A vida na pensão Kawai não é algo que todo mundo queria ter na vida, claro que é modesta, há separação (desigual) de garotos e garotas, gente e comida boa, mas no fundo mesmo eles são (um pouco) coitados mesmo.

A história já começa com a chegada de um garoto que devido as circunstâncias (familiares, escolares, etc) terá que morar lá. Já conhece o companheiro de quarto, um garoto com pinta de estranho que fica de olho em garotas do fundamental, gosta de S&M e parece que não faz nada da vida.

Ah, embora eles tenham quartos um para cada lá as divisões dos quartos quase não existem, logo um vive visitando o outro. É só uma divisória simples que pode ser aberta a qualquer hora, isso no bom estilo japonês que a Asuka (de Evangelion; a garota da esquerda no cabeçalho do blog) reclama tanto.

No lado das garotas vemos um grupo mais responsável, porém muito mais perigoso: uma garota sadista, outra que vive se apaixonando e quebrando a cara com caras diferentes¹.

Há ainda última que é mais normal e simples. Por gostar muito de ler, muito mesmo, passa muito tempo na biblioteca de onde estuda e na volta para a pensão continua a sua leitura (mesmo com o risco de ser atropelada e tal). Além disso, sendo filha da dona, quem mexer com ela tem o aluguel aumentado (embora ela não faria isso, ou faria?), logo sempre há um risco com ela. E esse risco é um que aquele garoto que falávamos no início tende a tomar, pois ele gostou dela desde o primeiro momento que a viu.

E por fim diversas situações ocorrem: crianças sendo perseguidas por um doido, crianças atrás dele, o amor literário, o trabalho de meio período e tudo mais para a época do colegial até a faculdade. Por fim, é divertido de assistir.

¹ Não gostei dessa frase minha… mas vai assim mesmo.


Gustavo bio photo

Gustavo

Escrevo sobre programas, animes e um pouco mais.

Twitter Github Stackoverflow MyAnimeList