Nessa jornada que estou seguindo já encontrei vários animes. Sakura Trick tem suas diferenças, há pontos de vista diferentes e é muito bom.

Encontrei esse anime por uma recomendação na Kotaku, mas não é pelo “não fale que gostou por que são lésbicas” que vou falar bem: embora existam homens na história (o diretor, o pai, etc) são tão ausentes que chega parecer um universo onde só existem para reprodução. Tirando todo esse drama o anime mostrou o que falaram ser um “amor real”.

Na minha opinião não posso falar nada pois não tenho experiência nenhuma com isso. Quisera eu poder passar por tais experiências, complicadas sim, mas boas.

É complicado dizer que o que duas garotas passam em seu namoro possa ser um pingo parecido com a realidade, mas vejo isso. Ora, o relacionamento delas não ser bem aceito, elas se amarem muito como sempre faz o pessoal da idade delas, e tudo mais.

E o mais importante da história: beijar é a melhor coisa do mundo, merece ser o assunto da abertura, do encerramento, 30 segundos de beijo por episódio, em dose dupla, com convidadas especiais, mais beijos ainda, diferentes tipos de beijo, iniciativa do beijo, o primeiro beijo nunca esquece, etc.

É muito amor!


No momento estou assistindo Sukitte Ii na no, que também é uma história romântica. Para mim ela parece ser bem mais realista que Sakura Trick, porém não sei se isso é porque me identifico com a protagonista que, assim como eu, tem algumas dificuldades em socializar. Estou aprendendo que é um aprendizado, e está muito bom o anime. Até o próximo anime!


Gustavo bio photo

Gustavo

Escrevo sobre programas, animes e um pouco mais.

Twitter Github Stackoverflow MyAnimeList